Deixe seu trabalho mais simples com a Flash

Fale com um especialista

O que são benefícios flexíveis e 10 vantagens de implementá-los na sua empresa

Benefícios flexíveis: a revolução do bem-estar e a satisfação dos colaboradores. Conheça as práticas para implementação e uso desses benefícios.

Flash

Os benefícios flexíveis, conforme sugerido pelo nome, são benefícios corporativos personalizáveis. Sua flexibilidade permite que o RH atenda de forma abrangente aos interesses e às necessidades dos colaboradores. Dessa forma, os benefícios flexíveis emergem como uma estratégia chave na retenção de talentos e na promoção da qualidade de vida dos funcionários.

Em geral, esse tipo de benefício é oferecido aos colaboradores em um cartão multibenefícios. Essa modalidade de cartão permite que a empresa crie pacotes de remuneração mais atrativos e ofereça, de forma prática, benefícios corporativos que vão além do vale-alimentação e do vale-transporte.

Neste artigo, mergulharemos no universo dos benefícios flexíveis, explorando o que são e como podem ser implementados na empresa com segurança jurídica. Vamos entender, também, porque eles se tornaram uma peça fundamental na estratégia de atrair e manter talentos.

Continue lendo e saiba mais!

O que são os benefícios flexíveis?

A principal característica dos benefícios flexíveis é a personalização das necessidades individuais dos colaboradores. Em essência, eles são componentes de um pacote de compensações que permitem aos funcionários escolher e personalizar como vai utilizar o pacote de benefícios da empresa.

São aqueles diferentes dos tradicionais e que a empresa pode combinar com o colaborador, levando em consideração suas preferências e necessidades. Eles são tendência mundial nas empresas, geralmente controlados por pontos e cada pessoa tem a liberdade de usar como achar melhor.

Diferenças entre os benefícios flexíveis e benefícios tradicionais

Antes de explorarmos as diferenças entre os benefícios flexíveis e os tradicionais, é essência entender o que são benefícios corporativos.

As empresas que possuem funcionários contratados em regime CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) são responsáveis por oferecer uma gama de benefícios obrigatórios para seus colaboradores. Entre eles estão o vale-transporte, as férias remuneradas, os intervalos intrajornada e o 13º salário, por exemplo.

Esses benefícios corporativos devem ser oferecidos desde o primeiro dia do colaborador na empresa, sem exceção.

Juntos, os benefícios obrigatórios e não obrigatórios compõem uma parte do pacote de remuneração, que vai além do salário do colaborador. Os benefícios não obrigatórios são oferecidos pelas empresas como estratégia de employer branding, constituindo um diferencial para atrair e reter colaboradores.

Quando falamos de benefícios flexíveis e tradicionais, estamos indo além do obrigatório e do não obrigatório. A diferença está atrelada, também, ao modo de utilização desses benefícios. A seguir, veja as principais diferenças entre eles.

  • Flexibilidade: benefícios flexíveis oferecem uma gama de opções, dando aos colaboradores a liberdade de escolha, ao contrário dos benefícios tradicionais, que são fixos.
  • Personalização: os flexíveis são adaptáveis às circunstâncias e preferências pessoais de cada colaborador, algo que os benefícios tradicionais não conseguem oferecer.
  • Impacto na cultura organizacional: os benefícios flexíveis contribuem significativamente para uma cultura de trabalho positiva, aumentando a retenção e melhorando o engajamento.

Quer ter um entendimento mais profundo sobre o tema e acessar facilmente estratégias eficientes de implantação? Preparamos esse ebook completo para te ajudar a sanar de vez todas as suas dúvidas sobre benefícios flexíveis.

Como os benefícios flexíveis motivam os funcionários?

Qualidade de vida e a satisfação no trabalho são temas em alta. E os benefícios flexíveis surgem como uma resposta às demandas por um ambiente de trabalho mais humano. É preciso reconhecer a individualidade de cada colaborador.

Ao compreender as diferentes necessidades e desejos, é possível atender a essa diversidade de maneira inclusiva.

Além disso, os benefícios flexíveis são uma ferramenta poderosa para as empresas na atração e retenção de talentos. Eles demonstram um compromisso da empresa com o bem-estar de seus funcionários, aumentando a satisfação e o engajamento, e consequentemente, a produtividade.

Vantagens dos benefícios flexíveis para os colaboradores

Segundo a pesquisa realizada pela Robert Half, benefícios se tornaram um dos fatores decisivos para colaboradores. Tanto para escolherem ficar em uma organização, quanto para considerar uma nova oportunidade. Nesse mesmo estudo, 77% dos respondentes consideram importante a mudança do padrão de benefícios. Logo, algumas das vantagens dos benefícios flexíveis para os colaboradores são:

  1. Autonomia e personalização: cada funcionário tem a liberdade de escolher benefícios que se alinham com suas necessidades e preferências individuais.
  2. Bem-estar e qualidade de vida: opções para uma vida saudável, como programas de bem-estar, assistência à saúde mental e incentivos para hobbies ou atividades de lazer.
  3. Aumento da satisfação no trabalho: com suas necessidades individuais compreendidas e valorizadas, o aumento da satisfação e engajamento no trabalho é perceptível.
  4. Apoio a estilos de vida: o ambiente de trabalho moderno é diversificado, com funcionários de diferentes idades, etapas de vida e circunstâncias pessoais. É possível oferecer opções para todos, desde recém-graduados até colaboradores com famílias.

Vantagens dos benefícios flexíveis para empresas

A valorização e cuidado com a experiência do colaborador deve ser o guia de todo departamento de Recursos Humanos. Mas, além disso, se torna uma ferramenta indispensável para retenção de talentos:

  1. Retenção de talentos: O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo. Logo, esses benefícios demonstram comprometimento em atender às necessidades dos colaboradores, tornando-a um empregador mais desejável.
  2. Melhoria da produtividade: Quando os colaboradores estão satisfeitos e suas necessidades pessoais são atendidas, eles tendem a ser mais produtivos e aumenta a assiduidade no trabalho.
  3. Fortalecimento da marca empregadora: Oferecer um pacote de benefícios flexíveis ajuda a construir e fortalecer a marca empregadora. Isso melhora sua reputação no mercado, atraindo não só talentos, mas também potenciais clientes e parceiros.
  4. Adaptação às mudanças: A capacidade de adaptar os benefícios às mudanças nas necessidades dos colaboradores e nas tendências do mercado é crucial.
  5. Eficiência de custos: Os benefícios flexíveis podem ser uma estratégia eficiente em termos de custos para as empresas. Os recursos passam a ser direcionados de maneira mais eficaz, atendendo às necessidades dos funcionários sem desperdício desnecessário.
  6. Redução de atestados: os benefícios flexíveis reduzem o absenteísmo porque incentivam práticas de saúde e bem-estar. Isso contribui para o controle do absenteísmo, por exemplo.

Como implantar os benefícios flexíveis na empresa?

O controle e escolha dos benefícios é da empresa, que escolhe quais serão os benefícios ofertados, além daqueles já definidos pela CLT e convenções coletivas. No entanto, a transformação nas relações entre funcionários e empregadores é intrínseca e a discussão sobre a experiência do colaborador está em constante crescimento.

Logo, uma estratégia eficiente para melhorar a qualidade de vida e satisfação dos colaboradores, é a implantação da melhoria do pacote de benefícios. Afinal, uma das principais missões do RH é garantir a satisfação e retenção de seus talentos.

Como toda mudança, a implantação da flexibilização dos benefícios exige planejamento e muito alinhamento. Antes de iniciar qualquer mudança, analise quais são as condições previstas no CCT (convenção coletiva de trabalho).

Montamos um passo-a passo simplificado para te guiar nesse processo:

1. Análise das necessidades dos colaboradores

O primeiro passo para a implantação de benefícios flexíveis é entender as necessidades e preferências dos colaboradores. Realizar pesquisas, como a pesquisa de clima organizacional, eNPS ou reuniões focais, vai ajudar a identificar o que os funcionários valorizam mais em termos de benefícios.

2. Definição do orçamento

É crucial definir um orçamento claro para o plano de benefícios flexíveis. O ideal é começar a compreender os custos já existentes com os benefícios. É essencial subtrair dessa conta os direitos trabalhistas, pois esses são imutáveis e padronizados para todos os colaboradores.

Faça o cálculo de quanto o pacote de benefícios oferecido custa por pessoa. Vamos supor que esse valor seja de R$1.500. Defina, com o financeiro e o corpo diretivo, se seguirá esse valor de orçamento e voilá. Já se sabe que os funcionários terão esse valor para realocar nas opções que fazem sentido a eles.

3. Seleção de benefícios

Com base na análise das necessidades e no orçamento disponível, a empresa deve selecionar uma gama de benefícios que possam ser oferecidos. É fundamental assegurar uma variedade que atenda a diferentes estilos de vida e necessidades.

4. Estruturação do programa

Desenvolver um sistema de benefícios que permita aos colaboradores escolher e gerenciar pacote de maneira fácil e transparente. Isso pode envolver parcerias com fornecedores de benefícios ou o uso de plataformas especializadas.

A Flash, por exemplo, oferece um cartão multibenefícios completo. Com o nosso produto, a gestão dos benefícios é simples e completa para o RH , além de oferecer transparência e uma experiência encantadora para o funcionário.

5. Comunicação clara e eficaz

Uma comunicação eficaz é essencial para garantir que os colaboradores entendam como o programa de benefícios flexíveis funciona. Na construção do planejamento e das políticas de benefícios, é possível delimitar quais são as opções disponíveis e como podem selecioná-las.

É necessário estruturar normas sobre essa modificação, garantindo segurança jurídica e também uma maior gestão de como eles estão sendo direcionados.

6. Implementação e Feedback

Após a implementação, é fundamental coletar feedback dos colaboradores para avaliar a eficácia do programa e fazer ajustes conforme necessário. O monitoramento contínuo ajudará a garantir que o programa continue atendendo às necessidades dos funcionários e da empresa.

7. Avaliação e Ajustes Periódicos

O programa de benefícios flexíveis deve ser revisado periodicamente para assegurar que continua relevante e alinhado com as mudanças nas necessidades dos colaboradores e na empresa.

Essas dicas já são um excelente guia para te apoiar na estruturação do programa. Porém, se você deseja ainda mais referências para criar uma estratégia irrefutável de benefícios flexíveis para sua empresa, baixe agora mesmo nosso material com passo a passo completo para criar o planejamento dessa mudança.

Como usar os benefícios flexíveis?

Os benefícios flexíveis oferecem um leque variado de opções para atender às diversas necessidades dos colaboradores. Implementá-los de forma eficaz exige compreender como cada tipo de benefício pode ser utilizado para maximizar seu impacto positivo tanto para os funcionários, quanto para a empresa.

A seguir, conheça as principais categorias dos benefícios flexíveis da Flash.

  • Vale-refeição e alimentação: permite que os colaboradores escolham o quanto querem nessa modalidade. Aqui, é interessante deixar um ponto de atenção: esse valor tem que ser além daqueles que as convenções coletivas determinam. Muitas delas definem um valor mínimo que deve ser utilizado no vale-refeição e no alimentação.
    • As convenções podem determinar as condições de pagamento, ou seja, como e onde o VA/VR deve ser disponibilizado ao trabalhador;
    • Empresas aderentes ao PAT só podem realizar um desconto de até 20% em folha referente a VA/VR.
  • Auxílio mobilidade/vale-combustível: essa flexibilização auxilia muito na experiência dos colaboradores.Ao contrário do VT, permite utilizar o transporte individual, como o carro próprio, carros por aplicativos, entre outros.
  • Auxílio-saúde: quando é oferecido a assistência médica e odontológica, o padrão é que a empresa desconta uma porcentagem da mensalidade do colaborador. Com a flexibilidade, o colaborador pode redirecionar seu valor mensal de benefícios para pagar integralmente esses custos, reduzindo ou eliminando o desconto.
  • Vale-cultura: apoia o desenvolvimento pessoal e cultural dos colaboradores. Eles podem utilizar o benefício em uma variedade de atividades culturais, como teatro, cinema, livros ou museus.
  • Auxílio-creche: para colaboradores com filhos, o auxílio-creche flexível é um grande diferencial. Com a flexibilidade, os papais e mamães da empresa conseguem direcionar um valor mais atrativo para suas necessidades.
  • Pacote de benefícios flexíveis para trabalho remoto/Auxílio home-office: além do pagamento de custos com internet, um pacote de benefícios flexíveis pode incluir itens como subsídios para equipamentos ergonômicos, ou até mesmo créditos para espaços de coworking, adaptando-se às novas dinâmicas de trabalho.

A flexibilização é uma realidade irrefutável

Ao longo deste artigo, exploramos sobre os benefícios flexíveis, uma ferramenta inovadora que está mudando a maneira como as empresas cuidam de seus colaboradores. Além de atender às necessidades individuais dos funcionários, reforçam a marca e a cultura, contribuindo para atrair e reter talentos.

Para as empresas que buscam implementar esses benefícios, a Flash oferece soluções integradas e personalizadas: auxílio-alimentação, saúde, mobilidade, cultura ou home office. Com a Flash você pode gerenciar todos os benefícios corporativos com total respaldo jurídico, enquanto oferece a melhor experiência para seus colaboradores.

Está na hora de transformar a maneira como sua empresa oferece benefícios. Descubra como podemos ajudar você a customizar um pacote de benefícios que realmente faça a diferença para seus colaboradores. Junte-se a nós e experimente a liberdade e a inovação que só a Flash pode oferecer.


ENTRE EM CONTATO

Preencha o formulário e venha ser Flash

Agende uma demonstração e conheça o lado rosa da gestão de benefícios, pessoas e despesas.

Business

20 mil

empresas

Smile

1 milhão

usuários

Premium

5 bilhões

transicionados

Centralize sua gestão de benefícios, pessoas e despesas corporativas em um só lugar

icon-form

Descubra nossas soluções

Não enviaremos Spam ✌️