O que é e como funciona o exame admissional?

Descubra o que é exame admissional, como funciona, quais os tipos e a legislação trabalhista. Confira nosso FAQ e tire todas as suas dúvidas.

Flash

Antes de contratar novos colaboradores, o RH precisa validar uma série de documentos, entre eles, o exame admissional. Trata-se de uma avaliação médica que comprova a saúde do trabalhador em desempenhar determinada função.

Uma vez que o funcionário está apto a cumprir suas atividades, o exame admissional passa a ser chamado de exame periódico. Feito de tempos em tempos para garantir que o trabalhador não tenha desenvolvido nenhum problema de saúde mediante ao trabalho.

Além disso, os exames admissional e demissional são peças chaves na trilha de qualquer colaborador. A partir destes exames, o RH pode proporcionar mais saúde e bem estar para os funcionários e garantir um ambiente de trabalho acolhedor.

Acompanhe a leitura e aproveite para baixar nosso manual do controle de ponto gratuito. Otimize a gestão de pessoas da sua empresa com a Flash People.

O que é exame admissional?

O exame médico admissional tem como consequência o atestado de saúde ocupacional (ASO). É realizado antes da contratação de um novo funcionário por uma empresa ou organização.

Seu objetivo é avaliar a saúde do candidato e determinar se ele está apto a desempenhar o cargo para o qual foi contratado.

Esse exame é parte integrante do processo de admissão e é conduzido por um profissional de medicina do trabalho ou um médico ocupacional.

Tipos de exame admissional

Os tipos de exame admissional podem variar de acordo com a empresa, o cargo a ser ocupado e as regulamentações. Geralmente, incluem uma combinação de exames médicos, testes clínicos e avaliações de saúde, conforme as necessidades do trabalho.

Se você não sabe o que é feito em um exame admissional, veja a seguir quais são os 10 exames admissionais mais comuns.

  1. Exame clínico geral;
  2. Exame de sangue;
  3. Exames de fezes e urina;
  4. Audiometria;
  5. Avaliação da acuidade visual;
  6. Exames radiológicos;
  7. Exames específicos;
  8. Avaliação da saúde mental;
  9. Avaliação da saúde física;
  10. Avaliação de vacinação.

1. Exame clínico geral

Um médico ou enfermeiro realiza uma avaliação geral da saúde do candidato, verificando a pressão arterial, a frequência cardíaca e a respiração. São feitas diversas perguntas sobre histórico médico, doenças pré-existentes e sintomas atuais.

2. Exame de sangue

O exame de sangue admissional detecta os níveis de glicose, colesterol e hemograma completo, entre outros marcadores de saúde. Geralmente o resultado do exame admissional de sangue demora 1 dia útil para ser liberado.

3. Exames de fezes e urina

O exame de fezes admissional serve para verificar a presença de parasitas, bactérias patogênicas ou outros indicadores de problemas gastrointestinais.

Já a análise de urina busca sinais de problemas renais, diabetes ou outras condições médicas que possam afetar a saúde do trabalhador.

4. Audiometria

Esse teste verifica a audição do candidato, importante em ambientes de trabalho onde a exposição ao ruído é uma preocupação. Como fábricas, construção civil ou telemarketing.

5. Avaliação da acuidade visual

Testes de visão são realizados para garantir que o candidato possua a visão necessária para executar as tarefas do cargo, principalmente com grande exposição a telas.

6. Exames radiológicos

Em alguns casos, podem ser solicitados exames de raio-X, principalmente para cargos que envolvem riscos à saúde pulmonar. Como exposição a poeiras ou produtos químicos.

7. Exames específicos

Dependendo da natureza do trabalho, podem ser necessários exames adicionais, como avaliações psicológicas e testes de aptidão física.

8. Avaliação da saúde mental

Também podem ser realizadas avaliações psicológicas para determinar a estabilidade emocional do candidato e sua capacidade de lidar com o estresse no ambiente de trabalho.

9. Avaliação da saúde física

Alguns empregos exigem que os candidatos estejam em boa forma física, nesses casos, podem ser realizados testes de resistência ou agilidade.

10. Avaliação de vacinação

Consiste em verificar se o candidato está em dia com as vacinas necessárias para prevenir doenças contagiosas no ambiente de trabalho.

Todos os tipos de exames acima são obrigatórios, a depender das exigências do trabalho. Porém, alguns exames ou informações não podem ser solicitados pela empresa, como informações genéticas, testes de gravidez ou orientação sexual. Solicitar essas informações é inapropriado e discriminatório.

Como funciona um exame admissional?

Após a oferta de emprego ser aceita pelo candidato, o departamento de RH agenda o exame admissional. Feito isso, o candidato é informado sobre a data, horário, local e o que levar para o exame admissional. Os documentos necessários para realizar o exame são:

  • documento de identificação com foto (RG ou CNH, por exemplo);
  • carteira de trabalho;
  • cartão do SUS ou carteira de vacinação;
  • resultados de exames médicos anteriores, se houver;
  • informações sobre histórico médico, como alergias, doenças pré-existentes e medicamentos em uso.

Na entrevista médica, o candidato é questionado sobre seu histórico médico, sintomas atuais e uso de medicamentos. É importante ser honesto e fornecer informações precisas durante essa etapa.

Nesse momento o médico pode realizar alguns exames físicos ou clínicos, como verificar a pressão arterial e frequência cardíaca. Podem ser solicitados exames laboratoriais, avaliação psicológica ou psiquiátrica ou testes específicos relacionados ao trabalho, como força ou equilíbrio, dependendo do cargo.

Na conclusão do exame admissional, o médico emite o exame ASO (Atestado de Saúde Ocupacional), que serve para atestar a aptidão ou não do candidato para o trabalho.

Se houver restrições médicas, elas são documentadas no ASO. O resultado do exame é arquivado nos registros da empresa e o candidato já pode ser considerado apto para a contratação.

Qual a importância do exame admissional no processo de admissão?

O exame admissional desempenha um papel fundamental no processo de admissão e atração de talentos. Ele traz diversos benefícios tanto para a empresa quanto para os próprios trabalhadores, a começar pela promoção de saúde e segurança no trabalho.

Ao realizar o exame é possível identificar problemas de saúde pré-existentes e garantir uma melhor adequação ao cargo. Além de prever custos médicos, como acidentes e licenças médicas, garante conformidade com a legislação vigente.

O que a lei diz sobre o exame admissional?

De acordo com a CLT, o exame admissional é regulamentado principalmente pelos seguintes artigos 168, 169 e 375.

Esses artigos estabelecem a obrigatoriedade do exame médico admissional como parte do processo de admissão. Realizado por conta do empregador, este exame deve verificar se o empregado mantém as condições de saúde para o exercício da função periodicamente.

Por fim, os exames devem ser realizados por médicos do trabalho, de acordo com as normas expedidas pelo Ministério do Trabalho.

A Norma Regulamentadora 7 (NR-7), embora não faça parte da CLT, detalha os requisitos para a realização dos exames médicos ocupacionais. Isso inclui o exame admissional e os exames periódicos. Ela estabelece os procedimentos, prazos e critérios para a realização desses exames.

FAQ do exame admissional

Com o objetivo de sanar todas as dúvidas a respeito do exame admissional, elencamos abaixo as perguntas mais frequentes sobre o tema, confira.

Quando pode ser feito o exame admissional?

O exame admissional deve ser realizado antes da contratação de qualquer funcionário independente da sua função. O que muda a depender da função são quais exames devem ser feitos e as condições de saúde esperada.

Em alguns casos, como layoff ou afastamento médico, pode ser solicitado um exame de retorno ao trabalho. Com ele, o funcionário pode retornar às suas atividades com a saúde em dia.

Para fazer o exame admissional precisa estar em jejum?

Não, o exame admissional tira sangue somente após a consulta caso haja uma solicitação médica. Caso haja essa solicitação antes da consulta, o candidato deve ser informado.

Como escolher onde fazer exame admissional?

Escolher a clínica que faz exame admissional é uma etapa importante no processo de admissão e fit cultural. As recomendações incluem pesquisar por referências, reputação e acessibilidade das clínicas escolhidas.

Feito isso, é determinante verificar a estrutura de equipamentos, profissionais e variedades de exames clínicos admissionais que melhor atendem às necessidades da sua empresa.

Quem paga o exame admissional?

A CLT estabelece, no artigo 168, que os custos com exame admissional são de responsabilidade do empregador. O valor do exame admissional varia entre 30 e 50 reais conforme a região, estrutura clínica e hora médica.

O que é ASO avulso?

O ASO avulso é indiscriminado em quase todo território nacional. Refere-se a um documento médico ocupacional não relacionado ao exame admissional, periódico, de retorno ao trabalho ou demissional.

Diferentes desses exames, o ASO avulso é emitido em circunstâncias especiais. Como quando um trabalhador necessita de uma avaliação médica adicional devido a mudanças em suas condições de saúde ou para solicitar uma transferência de função.

O candidato pode ser reprovado no exame admissional?

Sim, um candidato pode ser reprovado no exame admissional. E o que pode te reprovar no exame admissional é, por exemplo, condições médicas graves, limitações físicas ou restrições médicas. Além de resultados anormais nos exames e a identificação de dependência de substâncias.

Qual o prazo de admissão após o exame admissional?

O prazo de admissão após a conclusão do exame admissional pode variar de acordo com as políticas e procedimentos internos de cada organização. Não existe um prazo específico universalmente aplicável.

As empresas procuram adicionar o candidato o mais rápido possível, assim que todos os trâmites administrativos e documentações estiverem prontos. A validade do exame admissional estabelecida pela NR-7 é de no máximo 135 dias.

ENTRE EM CONTATO

Preencha o formulário e venha ser Flash

Agende uma demonstração e conheça o lado rosa da gestão de benefícios, pessoas e despesas.

Business

20 mil

empresas

Smile

1 milhão

usuários

Premium

5 bilhões

transicionados

Centralize sua gestão de benefícios, pessoas e despesas corporativas em um só lugar

Descubra nossas soluções

Não enviaremos Spam ✌️